Viver com a DPOC

A DPOC não tem cura?

Controle-a!

Não deixe a DPOC mandar em si. O controlo da situação pode estar na sua mão.

(literalmente)

O impacto da nutrição

no controlo da DPOC

Comer de uma forma saudável e equilibrada, de modo a controlar as comorbilidades e a impedir a perda de peso e de músculo é essencial.

É hora

de se mexer!

Chega de desculpas, para viver melhor com a DPOC tem que deixar a vida sedentária e passar a ser mais ativo!

A Cessação

Tabágica

Não tenha dúvidas: para conseguir viver melhor com a DPOC e evitar grandes complicações tem que largar o vício de fumar.

O papel

das Vacinas

A proteção contra o vírus da gripe e contra as bactérias pneumocócicas devem estar no top das prioridades para quem tem DPOC.

O impacto

no Sexo

Pode parecer-lhe impossível mas a DPOC não tem de significar o fim da vida amorosa e sexual.  Não desista de amar.

A influência da

Temperatura

Algumas pessoas têm mais queixa durante os dias com muito calor, enquanto outras sofrem mais durante o Inverno rigoroso.

Vencer

o Estigma

O impacto psicológico da DPOC é muito importante e pode levar a consequências muito perigosas que devem ser evitadas